Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Contos sem nó

As minhas histórias

Contos sem nó

As minhas histórias

01.07.22

Covid

Lila
Já foi há quinze dias que ao sair deste hotel, mesmo após o fim do evento, que comecei a sentir o corpo todo dorido. Duas semanas depois já me sinto quase a 100%, mas ainda ontem no yoga percebi que ainda me faltam forças e resistência. Este bicho não me matou, mas moeu. Voltei ao escritório na quarta-feira, consegui fazer umas correcções na historia da minha sogra durante a semana(vou leva-la agora nas ferias para lhe entregar), tratei das tarefas domesticas, mas sempre a (...)
31.05.22

Arabia Saudita

Lila
Ontem foi um dia longo, mas como almoçamos ás cinco da tarde, já não jantei e fui para a cama as 21h30. O pior foi que acordei pouco depois das 4 da manhã. Hoje tivemos um evento com clientes e para esta noite esta prometida uma tour em Riyadh. Estou a adivinhar uma noitada e já estou a sofrer por antecipação. Amanha temos uma reunião que dura o dia inteiro, voo de regresso as 21h30 e chegada ao Dubai lá para a uma da manhã. Mulher trabalhadora sofre.
10.03.22

Atenas

Lila
Adivinhem quem vai para Atenas 4 dias em Junho, para um congresso????? Ainda por cima com as minhas colegas favoritas dos Estados Unidos???  Eu mereço. 
13.02.22

Argelia-as pessoas

Lila
Fui muito bem tratada, são pessoas muito simpáticas e agradáveis. No ultimo dia fui presenteada com doces tradicionais e tâmaras. Uma das especialistas que trabalhou comigo, passou uma pulseira verde, da cor da Algeria, em quartzo, do seu pulso para o meu, porque percebeu que eu tinha gostado dela. Estou a usa-la desde então e achei o gesto lindo. 
13.02.22

Argelia-o pais

Lila
A Argélia é o maior país do continente africano e integra-se em diversos espaços geopolíticos: africano, árabe e mediterrânico.É um pais muito pobre, ainda bastante subdesenvolvido. Nas últimas décadas foi duramente marcado pela ameaça terrorista. Apesar das melhorias verificadas nos últimos anos, mantêm-se limitações ao exercício de certos direitos e liberdades em virtude das medidas de prevenção do terrorismo. Nunca vi tanta policia, nem tantos controlos policiais na (...)
13.02.22

Argelia- a viagem

Lila
Viajei no Domingo à noite. Sai de casa as onze e meia para apanhar um voo para Istambul as 2:40. Custou-me horrores esperar ate à hora de sair, até porque me deito habitualmente cedo. E para uma mãe e esposa, deixar marido e filho em casa está sempre associado a sentimento de culpa e de injustiça. No aeroporto, uma hora para fazer check in e depois aquela espera sentada, sem posição, até embarcar. Dei voltas no dutty free, comprei um perfume, achei o maximizer de pestanas da (...)
22.08.21

News from Dubai-1

Lila
Chegamos na sexta-feira já de madrugada. Tive um ataque de choro no aeroporto, depois de me ter portado super bem ao fechar a porta da nossa casa, quando os amigos do JA apareceram de surpresa no aeroporto. A viagem correu muito bem, sete horas e meia que acabam por não ser muito penosas, entre refeições e filmes que fomos vendo. Trouxemos 8 malas, quatro grandes e uma media no porão, e três pequenas connosco na cabine. Para grande surpresa minha, não pagámos excesso de bagagem. (...)
15.08.21

Dos ultimos dias

Lila
Vão começando a acontecer últimos encontros. Fazem-me surpresas, dão-me mimos, dizem-me coisas tão bonitas. Não tem sido fácil gerir estes sentimentos todos. Por um lado, entusiasmo pela nova vida. Por outro lado, medo da falta que as pessoas e os lugares me vão fazer. No meio de mil coisas para fazer. Faz parte.
05.08.21

Dubai- como reagiram as pessoas?

Lila
Todo o processo de entrevistas ate chegramos à decisão final foi feita sem ninguem saber. So contamos aos nossos no dia a seguir a ter aceite a proposta. O meu pai soube num almoço. E reagiu como eu esperava, positivo e entusiasta, genuinamente feliz por nos e a apoiar a 100%. A minha sogra teve a reacção oposta. Super negativa, fez chantagem emocional e ainda me acusou de ser a culpada da mudança. Recebemos uma mensagem da minha cunhada, uns minutos depois de termos falado com a (...)
16.07.21

A mudança

Lila
Foi há pouco mais de um mês. Decidi concorrer a um lugar de management na minha empresa, para liderar uma equipa de especialistas. Nunca pensei que fosse para a frente. Mas marcaram-me uma entrevista com a futura potencial chefe, depois com os recursos humanos, depois uma apresentação diabólica que me encheu de trabalho e de nervos, com o chefe disto tudo. Em três semanas já tinha avançado ate à fase final. Passei por todo o processo incrédula, mas feliz por estar a ultrapassar (...)