Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Contos sem nó

As minhas histórias

Contos sem nó

As minhas histórias

03.06.18

Nomes


Lila

unnamed.png

Demorei muitos anos a gostar do meu nome. O motivo que me levou a gostar foi exactamente o mesmo que me fazia não gostar quando era pequena. Ser raro. Não há nunca nada com o meu nome, não sabem dize-lo, perguntam várias vezes, escrevem-no mal. Todas as Marilias que eu conheço são já muitos mais velhas. É tão difícil de dizer que eu própria me chamava Malila e dai ter ficado Lila até aos dias de hoje. Ser a Tia Lila para os meus sobrinhos e a Lila para os meus amigos, é mais suave.

Hoje parece que é o dia do meu nome. Pela primeira vez em 43 anos vejo algo assim! O mais divertido é a descrição. Acerta quase em tudo, menos na parte do corajosa. Sou uma medricas de primeira. Não gosta de dormir fora de casa... depende! Adoro hotéis! Só não gosto de dormir fora de casa sozinha! E o mais verdadeiro de tudo é que sou uma eterna apaixonada. Sem sombra de duvida.