Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Contos sem nó

As minhas histórias

Contos sem nó

As minhas histórias

07.02.15

Em casa


Lila

Cheguei ao aeroporto de Lisboa depois das 21h30 e entre esperar pela mala, e ir buscar o meu carro à casa do meu pai, que me foi buscar ao aeroporto e me fez a surpresa de levar o meu filho, chegámos a casa por volta das 23h.

O meu pai encheu-me o carro com básicos para sobreviver esta manhã: pão, fruta, sopa, arroz de tomate.

Deitei-me por volta da 1h porque desmanchei as duas malas, a minha e a do JA e ainda fiz uma maquina de roupa.

Deixei tudo arrumado.

Esta manhã, por volta das 7h30, já estava a estender roupa e a fazer outra máquina. Voltei a dormir e ao final da manhã, já tinha a roupa toda lavada.

Saímos para ir ao supermercado (isto de estar uma semana fora de casa, tem destas coisas) e ao voltar passei a roupa toda a ferro.

Ás 17h estava tudo lavado, passado e arrumado.

No entretanto, enquanto o JA estudava para o teste de ciências, arrumei a cozinha toda, gavetas, prateleiras, bancada.

Esta semana, por não estar cá ninguém, saltámos a intervenção da minha equipa de limpeza, por isso e até sexta, vou eu dando um jeitinho às coisas.

O meu filho está muito carente, muito agarrado a mim, muito mimocas.

Esta semana foi difícil para todos. Para mim, que trabalhei como uma moura, para ele, que apesar dos mimos da avó e do avô (ontem passou lá a tarde até eu chegar), tinha muitas saudades dos mimos da mãe e para o pai, que está muito stressado na Alemanha.

Este fim de semana vai ser de mimos, muitos mimos, para recuperar os danos.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.