Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Contos sem nó

As minhas histórias

Contos sem nó

As minhas histórias

26.11.12

O raça do feitio filho da mãe do gaiato


Lila

Porque carga de água é que o meu filho não sai a mim no levantar da cama?

É que eu não gosto, odeio levantar-me cedo, mas todos os dias o meu despertador toca as sete da manhã e o meu rabo salta como que se tivesse uma mola, sem preguiças, sem resmungar, com cara alegre e siga para Bingo.

Só acordo mal disposta se é fim de semana e tenho que me levantar cedo.

Isso dá conta do meu humor. Fim de semana é para alapar o rabo na cama o mais possível, que eu já me levanto cedo todos os outros dias.

De resto e durante a semana, tem de ser e vamos lá.

Sem cara feia e a fazer tarefas pela fresquinha, para além da ginastica, que não pode faltar.

Há gente que preferia arrancar o fígado sem anestesia do que levantar-se de manhã para estender roupa ou pular para cima da elíptica, mas eu faço-o todos os dias e sem dramas.

Porque é que o raça do miúdo não saiu à maravilhosa da mãe dele, heim?

Raio de sorte.

É cada birra logo de manhã que até me dá vómitos.

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.