Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Contos sem nó

As minhas histórias

Contos sem nó

As minhas histórias

29.12.08

Austrália


Lila

Ontem presenteámo-nos com este maravilhoso filme: Austrália.

E digo que foi um presente porque, com as cada vez mais frequentes ausências da minha sogra ( a única alminha com paciência para vir cá a casa ficar com o bebecas para que nós possamos fazer alguma coisa sem ele...), tem sido muito díficil irmos ao cinema.

Antes do becas nascer, íamos 2 vezes por semana!

Agora, tem que ser escolhido a dedo e sempre que conseguimos ir, é uma frustação se o filme não fôr grande coisa.

Não foi o caso.

Arrisco a dizer que ontem vimos o filme do ano.

Austrália é um filme de amor, com muita graça, cheio de aventura, com uma fotografia soberba e música para sonhar.

Como mãe, não há filme com crianças que não me arranque o coração, o desfaça em pedaçinhos e o atire pelo ar.

Este foi ainda mais longe e deixou-me desfeita, com vontade de saltar para dentro do ecran.

 

Este descreve a forma como foram excluidas da sociedade australiana os filhos de relacionamentos entre negras e brancos. Os chamados mestiços.

Inexplicavemente, estas crianças perderam a identidade que teriam sendo negros ou sendo brancos, passando simplesmente a ser fonte de um único objectivo-serem irradicados.

A história de amor é lindissima, a componente social e familiar arrebatadora.

Excelentes interpretações, fantásticas paisagens.

Ou muito me engano, ou temos filme para muitos Oscares.

 

P.S. A não esquecer a cena em que a Nicole Kidman tenta cantar "somewhere over the rainbow".

 

No mínimo hilariante.