Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Contos sem nó

As minhas histórias

Contos sem nó

As minhas histórias

27.11.11

Manifestações públicas de afecto


Lila

Eu já falei disto aqui.

Mas tenho que voltar a falar, porque ontem presenciei uma cena tão bonita, que ainda hoje a tenho a fazer ricochete de um lado para o outro, dentro da minha cabeça.

Estávamos a lanchar, todos juntos á volta da mesa e o pai tinha o filho de meses ao colo.

De repente, do nada, olha para a mãe do bebé e diz-lhe "Obrigado".

Ela, surpresa, pergunta "Obrigado porque?"

E ele responde, sem complexos, sem vergonha, com orgulho na voz " Por me teres dado este filho. Vou agradecer-te para o resto da vida."

 

E eu fiquei de boca aberta.

A sério.

De cada vez que vejo uma manifestação publica de afecto, de reconhecimento, de orgulho, de um homem para com uma mulher, fico sempre assim.

Presencial, no facebook, seja como for.

Os homens estão a ficar mais sensíveis, expõem-se mais.

E isso é mesmo muito bom, faz-nos ter esperança num mundo melhor, mais carinhoso.

 

Que inveja (da boa) fiquei a sentir da minha prima!

 

 

 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.