Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Contos sem nó

As minhas histórias

Contos sem nó

As minhas histórias

31.05.18

Primeira comunhão


Lila

895edf80-cc57-4705-a31d-92cb9161578c.JPG

O filho mais novo da minha melhor amiga fez a primeira comunhão e eu fui testemunhar este dia tão importante.

Motivo bom para almoçarmos todos juntos (Bem , eu fui sozinha, e de gatas por estar muito cansada. O A. esta na Alemanha e o JA esta atolado em testes da escola e exames do conservatório).

Pelo meio tive uma reunião por zoom e estive isolada na casa da Tana, mas depois voltei à festa!

 

31.05.18

Dia dos irmãos


Lila

IMG-1396.JPG

Na minha casa, a minha irmã mais velha atormentava-me com a historia de que eu não era filha dos nossos pais. Que uma cigana me tinha deixado ali em casa e a minha mãe tinha tido pena e acabara por adoptar-me como filha. Mas um dia a cigana voltaria para me buscar. (Tenho que admitir que era rebuscada o raio da historia).

Ter cinco ou seis anos e não ser em nada parecida com a minha irmã e com a minha mãe (só mais tarde percebi que sou parecida com o meu pai) não ajudava nada. Lembro-me de chorar imenso com esta tortura.

Ai, os irmãos!!! Felizmente crescemos e deixamo-nos deste bullying...

Adoro as minhas manas, não sei como teria sido passar pela perda da minha mãe sem elas. Não sei como viveriamos  hoje esse vazio sem nos termos umas as outras...

 

31.05.18

Cerejas


Lila

Cheguei de Paris ontem, onde tive reuniões de divisão bastante pesadas mas também divertidas. O meu pai estava à minha espera na área de serviço da ponte, as nove e tal da noite, para me mandar pão, alfaces, rúcula, morangos e cerejas. As primeiras da cerejeira dele. São pequenas e pouco doces, mas são do meu pai! Um orgulho!!!

IMG-1395.JPG

(e ter um pai que te espera à chegada de uma viagem para te mandar mimos para casa, é um tesouro...)