Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Contos sem nó

As minhas histórias

Contos sem nó

As minhas histórias

26.11.15

Thanksgiving


Lila

Dia de agradecer. Devíamos celebra-lo também, nunca é demais agradecer tudo o que de bom  existe na nossa vida.

25.11.15

Casamentos, baptizados, funerais


Lila

Hoje faleceu o pai de uma das minhas melhores amigas. Cancro do pulmão diagnosticado há dois anos pela minha melhor amiga. De um minutos para o outro, falamos todas aos telefone e percebemos que apesar de todos os entraves habituais, vamos ver-nos no velório. E chegámos à conclusão de que, depois da época dos casamentos, e da época dos baptizados, entramos, infelizmente, na época dos funerais. Hoje é um dia triste. Minha querida Inês, infelizmente, conheço bem a tua dor. Estou aqui para ti.

25.11.15

Pai


Lila

Hoje acompanhei o meu pai a uma consulta de neurocirurgia em São José. Há meses que tem queixas devido a um estreitamento do canal medular e hoje fomos mostrar os últimos exames. Coluna está estável, mas vai ter que operar a mão esquerda. Felizmente, conseguimos que fizesse todos os exames na hora (isto de trabalhar no laboratório tem as suas vantagens...) e agora aguardamos que chamem para a cirurgia. Pelo que diz o Benny, nosso amigo neurocirurgião, esta cirurgia é uma coisa simples, feita com anestesia local e em ambulatório. O único senão é a recuperação, dolorosa e demorada...No meio de tanto stress, de um lado para o outro no Hospital, estou feliz por ter passado tempo com o meu pai e por estar tudo controlado com a coluna. Há meses que ando preocupada com isso.

24.11.15

Bilbau


Lila

j.jpg

 Viagem relâmpago. Um frio de morte em Bilbau.Esqueci-me da base, fiz a apresentação sem maquilhagem: Troquei as collants pretas por umas azuis e tive que comprar umas no aeroporto. Apresentação demoníaca acabou por correr bem. Menos mal. (começo a acusar o cansaço)

23.11.15

Viagem nocturna


Lila

Hoje a modalidade é outra. Vou no ultimo voo para Bilbau. Chego depois da meia noite e amanha tenho uma apresentação bastante dura, daquelas que deixam os nervos em franja, logo pela fresquinha. Sorte a minha!

23.11.15

Viajar


Lila

Das perguntas que mais me fazem quando sabem que viajo praticamente todas as semanas, é como me arranjo com o fazer da mala. A resposta é simples, não me arranjo. É sempre um sofrimento, começo a pensar nisso dias antes, tentando organiza-la na minha cabeça. Claro que, com o passar do tempo, fui-me tornando mais pratica, mas continuo a levar coisas a mais, para o famoso "e se..." que acaba por nunca acontecer. Depois há o drama dos líquidos. Se não ponho mala no porão, tenho que limitar ao mínimo os líquidos e um dos problemas maiores é a espuma do meu cabelo. Felizmente, descobri em Espanha uma espuma de 100 ml, que me salvou. Já tenho um perfume pequenino que só uso nas viagens e que comprei na Victoria Secret. Depois tudo o resto passo para os frasquinho que já há em todas as lojas, adaptados a viagens. As amostras também podem ser preciosas, não ocupam espaço e são óptimas para dois ou três dias de utilização. No Inverno, com as roupas mais volumosas, há que fazer uma ginastica ainda maior para arrumar tudo o que se quer levar. Até os cachecóis ocupam imenso espaço, já para não falar das botas. O truque é levar as botas calçadas e depois optar por outro tipo de calçado mais pequeno na mala. Estou numa fase de fazer mala todas as semanas e juro que é das coisas que mais me chateia. Isso, e ter que passar na segurança do aeroporto.

22.11.15

Estou toda arrepiada


Lila

Os atentados deixaram-nos em alerta, fizeram-nos pensar que podia ter sido connosco. Mas agora, a ver as fotos e as historias de algumas das 129 pessoas que perderam a vida naquele dia, ver-lhes os rostos, saber que eram pais e mães...deixou-me de rastos.

22.11.15

Novembro


Lila

Este fim de semana foi o primeiro em que senti o frio característico de Novembro. Parece que é desta que tenho que abandonar as mangas curtas.