Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Contos sem nó

As minhas histórias

Contos sem nó

As minhas histórias

01.10.11

Quem te viu e quem te vê


Lila

 

 

Viciada em sushi.

Quando era coisa que eu não fazia questão de comer.

Ia a restaurantes japoneses para fazer companhia a quem gostava, mas só comia coisas cozinhadas.

Sempre fui um bocadinho esquisita com a comida, não arrisco, não gosto de aventuras ("és esquisita mas não és marreca", dizia a minha mãe sobre estas minhas coisas...).

E depois, com o tempo e porque acredito que o paladar também se educa, passei a gostar de sushi.

A gostar muito.

Esta semana já comi duas vezes. Uma delas fui sozinha, para alimentar o vicio.

Receio bem começar a enjoar.

Ás vezes é o que acontece quando se gosta de paixão e se abusa na dose.

Pelo sim, pelo não, vou ali comer um peixe assado.

Sardinhas.

Outra coisa que eu não comia e que passei a gostar a partir da gravidez.

Ainda me vão ver a comer joelho de porco ( a única coisa na minha vida que me fez vómitos sentada á mesa...).

 

01.10.11

Outubro


Lila

Quatro aniversários para lá de importantes e um casamento.

E logo agora que as nossas finanças estão para lá de boas.

Outubro é o mês.

 

01.10.11

ai.


Lila

E quando eu penso poder dormir um bocadinho, o som da TV nos desenhos animados está no máximo ás 8 e tal da manha.

A vida é cruel.

01.10.11

Semana muito dificil


Lila

Entre viagens a Madrid, prazos para entregar um sem numero de ficheiros cheios de previsões para 2012, pressão para fechar o mês e o trimestre a fazer o budget e campanhas para sair e as associadas listas de clientes e traduções dos follhetos...

Foram muitas noitadas e muitas dores de cabeça.

Estou mesmo cansada.

Pág. 6/6