Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Contos sem nó

As minhas histórias

Contos sem nó

As minhas histórias

14.03.15

20 anos


Lila

Faz hoje 20 anos que fiquei órfã de mãe.

Lembro-me como se fosse hoje, porque um momento assim, nunca mais se apaga da nossa memória.

As saudades, essas, ao longo do tempo, substituem as lágrimas.

Mas o vazio que fica, nunca mais se ocupa com nada. É impossível preencher.

E aumenta exponencialmente com a chegada de um filho, que nos faz lembrar a cada segundo, que quem tem mãe, tem tudo.

 

2 comentários

Comentar post