Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Contos sem nó

As minhas histórias

Contos sem nó

As minhas histórias

30.10.09

...


Lila

 

Bendito aquele que consegue dar asas e raízes aos seus filhos.”
 
Provérbio árabe
 
Há um lugar no mundo no qual nascemos, crescemos e prendemos uma língua.
São as nossas raízes.
As asas mostram-nos outros horizontes, fazem-nos sonhar, conduzem-nos a lugares distantes.
São as asas que nos permitem conhecer as raízes dos nossos semelhantes e aprender com eles.
 
Viajar com o nosso filho, ainda que por vezes seja cansativo e limitante, é dar-lhes raízes e asas.
Acreditamos que será importante para a formação da sua maneira de ver o mundo.
Esta abertura que lhe demos, desde que passeava ainda na minha barriga, irá decerto condicionar o seu temperamento e forma de ser.
Por isso, ainda que contra muitas vontades, ainda que vencendo os nossos próprios medos, o nosso filho viaja connosco.
As suas asas crescerão e um destes dias viajará por si. Mas porventura não esquecerá estes momentos passados juntos.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.